A Importância da Manutenção Industrial

Não é necessário ser um expert em gestão para se ter a noção da importância da manutenção na indústria. Máquinas e equipamentos sofrem desgastes por conta de suas operações e requerem que seja dada devida atenção às mesmas no sentido de mantê-las a plena performance de cumprir suas missões nas rotinas das indústrias, aumentando sua vida útil através de ações para manter ou restaurar um ou mais componentes, peças ou a máquina como um todo.

“Máquina parada invariavelmente representa o maior custo do evento e gera desgastes desnecessários ao processo produtivo, às vendas e à tesouraria.”

É possível dividir a manutenção industrial em seis categorias sendo três (*) delas as mais usuais:

  • * Manutenção corretiva não planejada: quando as máquinas ou equipamentos param, total ou parcialmente ou apresentam desempenho aquém do previsto e requer intervenção da equipe de manutenção;
  • Manutenção corretiva planejada: é quando a máquina ou equipamento apresenta uma disfunção, mas, dentro de algum prejuízo, seja qualidade, performance ou ambos, a manutenção será postergada para um momento planejado de execução;
  • * Manutenção preventiva: trata-se de um plano prévio de manutenção na máquina ou equipamento com intuito de identificar possíveis defeitos, antecipando paradas ou danos com prejuízos maiores aos mesmos e ao negócio;
  • * Manutenção preditiva: é a manutenção que trabalha no sentido de análise baseada em ciclos ou periodicidade de uso, de partes ou do todo e neste sentido prover as análises definidas para a manutenção antevendo paradas e prejuízos;
  • Manutenção detectiva: trata-se de uma manutenção minuciosa que procura falhas ocultas ou de difícil percepção, mais uma ação preventiva;
  • Engenharia da manutenção: há, em determinados tipos de plantas industriais, uma visão da engenharia que se torna responsável por aplicar técnicas avançadas de manutenção industrial por análises e planos baseados em projetos e eventuais históricos e que geram benchmarks e informações avançadas sobre desgastes, riscos potenciais entre outros.

E daí, qual delas é a melhor para a Industria?

“As indústrias que utilizam com sucesso a manutenção preventiva, podem aplicar a manutenção preditiva, que se constitui no mais completo e correto sistema de manutenção. Nesse sistema, com auxílio de equipamentos, detectores mais sofisticados, pode-se determinar se está na hora de abrir a máquina e trocar um componente, antes que venha a falhar” diz o professor Décio Martins Pereira, autor do Manual de Manutenção Industrial.

Por fim, pensar em um bom plano de manutenção sem pensar em software e tecnologia associados seria ilógico nos tempos atuais. Então, seja o módulo de manutenção industrial *embarcado em um ERP ou soluções específicas (que não recomendo) de softwares vendidos ou fornecidos para este único fim a tecnologia é uma grande aliada.

*Nestas ferramentas você pode definir um plano de manutenção e associá-lo ao equipamento e ao cadastro dos produtos no ERP, por exemplo, apoiando assim eventuais emissões fiscais para envios à manutenção terceirizada, abastecer o módulo patrimonial, gerar uma visão mais precisa ao PCP que deixa de contar com as máquinas ou equipamentos em programação de parada no seu planejamento e, além disso, poder vincular despesas, sejam elas materiais ou serviços ao recurso específico ou “centros de custos” corretos vislumbrando o quanto custa manter aquela máquina ou equipamento no uso.

Cabe também comentar que no ERP que possui a manutenção industrial e o M.E.S. (Manufacturing Execution System ou Sistema de Controle da Manufatura) há uma interessante sinergia, pois, a manutenção pode ser acionada pelo apontamento da produção e mais ainda, pode a manutenção acessar o módulo e analisar os indicadores de paradas de máquinas ou equipamentos por defeitos ou necessidade de refazer setups constantemente gerando custos e indicando o risco de parada por defeito iminente.

A Integrum Inteligência Industrial possui estas ferramentas todas integradas no ERP Integrum, afinal, nosso negócio é ser um parceiro completo para a Industria com SISTEMA, CULTURA e CONSULTORIA.

Quer superar e vencer O Desafio? Então, conheça a INTEGRUM

comercial@integrum.inf.br

(51) 3527-6619

Pedro Moacir Joazeiro

Sobre Pedro Moacir Joazeiro

O Pedro por essência é um empreendedor, com formação em eletrônica, fundou sua empresa com 23 anos (e lá se vão quase 30 anos de casa). Possui profundo conhecimento das demandas de Clientes de softwares de Gestão Empresarial brasileiros (ERP´s), e as expectativas destes clientes quanto a serviços, produtos e padrões de atendimento na pré e pós-implantação destes. Conhecimentos adquiridos por mais de 30 anos como profissional/empresário da área de Tecnologia da Informação e foco na indústria. Possui qualidades organizacionais e capacidade para liderar equipes de trabalhos e suas relações, tanto com a carteira de Clientes, sincronizando necessidades e gerenciando sinergias entre as áreas operacionais do negócio e o Cliente quanto equipes dos clientes ao oferecer soluções para as organizações industriais em todas as áreas de gestão do negócio. Adquiriu conhecimentos avançados em análise de sistemas computacionais diante da atuação direta na liderança da equipe de desenvolvimento do ERP Integrum, especialmente nos últimos 12 anos.